POEMAS II

Adotei Esqueci do tempo
Agora parto em busca de meu anjo picante! Eu , você, as estrelas
Ah! Aquela Noite E veio mais um dia
Ah! Como dói Êxtase
Ah! Doce amanhecer Faltou
Ai de novo Fiz
Alameda Hipócritas
Amarga distância Medos
Amor ferido Meu companheiro
Amor selvagem Meu mundo é azul
Anjo azul Meu néctar
Anjo será Meu rei, meu senhor ,minha vida
Aquece-me No instante em que chegastes
Aroma de amor Onde estás tú
Até quando? Paixão
Átrio Penetrando
Bate Portas
Buscas Pra você
Busco-te Prazer e amor
Caminhando, cantando sem rumo Psiu
Cantinhos Pura sedução
Cartas lançadas Quero-te
Cheiro de esperança Rastejante
Como faço pra tirar esta marca de mim Reencontro de mim
Conquista-me Revoando para o amor
Cortejo Sabor paixão
Covardia Sai pelo mundo
Cruzar de almas Se foi o sol
Da natureza faço meu refugio Silencio da alma
De mãos entrelaçadas Soltando-me
Desabafo à minha estrela Soluços
Desejos Sombra Maligna
Desejos picantes Sonho ou miragem, é real
Desliza Sonhos, pesadelos, passado, presente!
Despir a alma Suga-me
Devagarzinho Tarde de Outono
Devia ter Toma-me
Doce olhar Último ato
Doma-me Vem logo docinho
Embalos Vida
Escadaria do tempo  
Escolher a ferramenta  

 

HOME - DUETOS- LIVRO DE VISITAS-POESIAS

 

Webdesigner - Márcio C